topo

Postado em 21 de Agosto às 15h00

O Consumidor de Móveis e seu Comportamento

A venda de móveis é uma tarefa que requer estar sempre atento às tendências, bem como conhecer seu público consumidor de móveis e seu comportamento, extremamente exigente.

E em uma fase econômica turbulenta no país, o setor moveleiro está com grandes desafios pela frente, como conhecer os hábitos de consumo de seu cliente, seus canais de compra prediletos, além de proporcionar experiências incríveis no ponto-de-venda.

Em estudo consolidado no ano de 2017 pela IEMI, empresa de consultoria que realiza pesquisas para o setor moveleiro, foi constatado que este novo cliente tem o hábito de pesquisar e comprar via internet, onde cerca de 60% dos clientes de móveis e decoração possuem o hábito de fazer estas pesquisas na web antes de efetivar a compra em si.

Foi mapeado inclusive, que o principal fator que influencia na decisão do consumidor ao adquirir móveis e objetos para a casa pela internet, em vez de ir até a loja física, é a comodidade em comprar sem sair de casa. Deste modo, estar com seu e-commerce em dia, além de desenvolver campanhas e estratégias de comunicação e marketing atrativas, aumenta o sucesso em vendas.

E se toda boa campanha publicitária inicia com um planejamento de excelência, estudar o comportamento do consumidor é fundamental para o atingimento de resultados, assim como evitar o desperdício de recursos financeiros.

Para isso, é preciso ter um perfil bem definido da persona ou do público-alvo, recomendação para ofertar produtos de maior interesse para o consumidor, bem como fazer aquisições assertivas para sua loja e controlar o encalhe de mercadorias em estoque.

Motivos para a compra
Sobre as motivações de compra do cliente moveleiro, podemos citar alguns pontos que influenciam nesta decisão, ou seja, o momento de compra de novos itens, tais como uma reforma, mudança de residência, o “redesign” de ambientes, assim como uma decoração diferenciada – todos estas etapas são levadas em consideração pelo mesmo no momento de adquirir novas mercadorias e por consequência, devem ser consideradas ao realizar o planejamento de comunicação e marketing em sua loja.

Outros pontos mapeados no estudo realizado pela IEMI para a compra de móveis, foram os seguintes:

  • O preço aparece como o carro-chefe no fator de escolha de um novo móvel (54,7%) entretanto também são analisadas a exposição do produto (36,1%), além da qualidade (28,2%);
  • Homens prestam mais atenção e se motivam mais a comprar em relação ao atributo qualidade (29,4%);
  • A faixa etária entre 25 e 34 anos é super influenciada pelos preços dos móveis no momento da compra (56,7%);

E se ao longo dos anos o comportamento de compra do consumidor mudou, lembre-se que é de suma importância considerar a experiência de compra no ponto-de-venda, observando que esta fase pode ir desde a realização da busca por produtos na web, chegando a haver a retirada de itens na loja física.

Atente-se também em considerar o pós-venda, ponto essencial para o mapeamento de toda a jornada de compra de seu consumidor. Para que você possa vender ainda mais, confira nosso e-book aqui com dicas para aumentar as suas vendas.

Veja também

2019 e as novas tecnologias para Varejo!20/02 Você já ouviu falar do NRF RETAIL´S BIG SHOW 2019, um dos maiores eventos de varejo do mundo? Este evento acontece anualmente em Nova Iorque e reuniu milhares de executivos em 3 dias de conteúdo e Networking à respeito de tendências, novas tecnologias e soluções para o varejo. Estas novas tecnologias estão sendo utilizadas por enquanto apenas nos......
Como iniciar o seu e-commerce no varejo de móveis04/09 Com inúmeras tecnologias o consumidor busca formas rápidas para efetuar as suas compras, sem sair de casa, enfrentar filas, engarrafamentos, ou estacionamentos demorados. Pensando nisso iniciar o seu e-commerce no varejo de móveis......

Voltar para Blog